Playing For Change

Bono, Manu Chao, Stephan Marley ou Tinariwen são apenas alguns dos músicos famosos que se uniram ao Playing for Change, movimento
multimédia cuja origem remonta a 2004, quando o produtor Mark Johnson, vencedor de um Grammy, promoveu uma jornada musical para descobrir músicos de rua à volta do mundo e combinar as suas vozes.

Desde então, o projecto não parou de crescer, tendo sido criada uma Fundação e construídas escolas de música para dar formação a talentos que, de outra forma, na sua maioria se perderiam. Actualmente, este movimento é um fenómeno global, com milhões de seguidores em todo o planeta.
À boleia de clássicos como Stand By Me, Gimme Shelter, (Sitting On) The Dock Of The Bay e muitos mais, espalha-se pelas ruas do mundo uma mensagem de paz e solidariedade. Keith Richards é o senhor que se segue, colaborando num tema de sua autoria que integrará o próximo trabalho discográfico a ser lançamento brevemente: PFC3, que contará também com o contributo dos músicos nacionais: Paulo das Cavernas e Edu Mundo, que fará na primeira parte o relançamento do seu trabalho de autor. Músico activo de projectos como: Souls of Fire, Terrakota, é em Edu Mundo, que Márcio Silva (assim diz no BI), mergulha o imaginário daqueles que o ouvem, bebendo inspiração do universo na criação de composições globais. Segundo o próprio: "Se o silêncio falasse, certamente só os que não são do mundo ficariam na plateia".

Depois da estreia em Portugal (Julho 2012) ter sido abraçada com lotação esgotada na Casa da Música (Porto), foi em plena época natalícia que os Playing For Change regressaram ao nosso país para apresentar dois espectáculos exclusivos. No Teatro Tivoli BBVA foi no dia 18 de Dezembro.

18 Dezembro 2013
M/6
Produtor: Primeira Linha
Ok
Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e lhe oferecer uma melhor experiência de utilizador. Saber Mais